O clareamento dental age por produtos oxidantes que penetram no esmalte e na dentina. Isso libera oxigênio e quebra moléculas dos pigmentos causadores de manchas nos dentes. Essas manchas podem ser ocasionadas por o uso excessivo de antibióticos, pelo fumo, fluorose, tratamento endodôntico mal realizado, uso excessivo de chá, vinho tinto ou café.

O clareamento dental, pode ser realizado de duas maneiras: clareamento caseiro, no qual é obtido um molde da boca do paciente e o tratamento é feito em casa, aplicando o gel de acordo com a indicação do dentista, e visitando o mesmo periodicamente para checar e controlar o clareamento;  clareamento de consultório, que consiste na aplicação de gel em consultório sob supervisão de um dentista qualificado. Se necessário, indica-se o clareamento conjugado das duas técnicas, dependendo do grau de escurecimento e causa do manchamento.